Marketing Conversacional, saiba como funciona

Marketing Conversacional, saiba como funciona

Marketing Conversacional, saiba como funciona

Você já ouviu falar sobre marketing conversacional? Esse termo, mesmo que não muito conhecido, é muito praticado no universo da comunicação. De maneira simples, ele pode ser definido como uma estratégia que usa diálogos para converter uma pessoa em um lead qualificado.

Porém, essa estratégia vai muito além de um bate-papo e requer muita atenção nos detalhes. É justamente esse o tema deste artigo! Vamos juntos?

O que de fato é Marketing Conversacional?

Além de ser chamada de Marketing de Conversação, essa estratégia é definida pela característica de a empresa conversar com uma pessoa, seja através da sua equipe comercial ou então de um chatbot, e transformar aquela experiência em algo personalizado.

A empresa Drift é referência mundial no assunto e, segundo eles, essa técnica está associada ao objetivo de, inclusive, diminuir o ciclo de venda e, ao mesmo tempo, aprender mais sobre os seus clientes.

Entretanto, um dos diferenciais é a questão da interação imediata para que seus clientes, ou futuros clientes, consigam interagir com sua empresa quando quiserem. Considerando também a demanda, o uso de chatbots no marketing conversacional cresceu muito!

Essa estratégia tem sido um dos caminhos da área de comunicação em que mais se investe pelo simples fato de que, através de um atendimento automatizado, você já consegue criar algo personalizado e ainda obter todas as informações necessárias para que a sua equipe consiga oferecer a melhor proposta ao cliente.

O Marketing Conversacional funciona?

Como tudo na vida (e na área de comunicação) tudo pode funcionar desde que seja utilizado da melhor maneira. E, se tratando disso, o marketing conversacional traz alguns pontos cruciais para um retorno mais garantido. Dentre eles estão:

  • Atendimento simultâneo: para compensar a contratação de um serviço de chatbot, por exemplo, é melhor garantir que ele dê conta de realizar atendimentos simultâneos e instantâneos.
    Aqui vai um dado importante: de acordo com pesquisa feita pela SurveyMonkey, 55% dos entrevistados valorizam principalmente as respostas imediatas.
  • Atendimento personalizado: humanizar o atendimento também faz parte da estratégia! No marketing conversacional, a intenção é justamente compreender ao máximo seu cliente, captando o maior número possível de informações. Mas, nunca se esqueça: tudo tem limite e o seu objetivo, por trás de tudo, é fazer com que essa pessoa passe para o processo de tomada de decisão com perspectivas positivas da sua marca, e os consumidores estão cada vez mais informados e mais exigentes!

Onde aplicar o Marketing de Conversação?

Na realidade, não existe uma regra definida para o uso dessa estratégia. Mesmo com o crescimento notório no ambiente digital, ele ainda pode ser utilizada em lojas físicas, por exemplo, com etapas de atendimento e compra bem estabelecidas e que coloquem a experiência do consumidor (CX) como pilar principal.

Independentemente de qual seja a plataforma em que você decida implementar esta técnica, lembre-se de que para uma conversa ser positiva para essa experiência do consumidor ela precisa compreender quais são os comentários apontados pelo cliente e também sanar qualquer tipo de dúvida que ele possa ter!

Aqui vai uma lista com os principais canais e como aplicar o marketing conversacional da melhor maneira em cada um deles!

  • Redes Sociais: praticamente todo mundo está presente no ambiente digital e as redes sociais ganharam espaço para se tornarem canais de vendas ou então de relacionamento de negócios. Neste canal, geralmente quem entra em contato com alguma marca já pode ser considerado um lead mais qualificado e familiarizado com a empresa. Além disso, recomendamos o uso de chatbot porque nunca sabemos quando receberemos uma mensagem, não é mesmo?
  • Sites e Blogs: independentemente de qual deles seja, os dois costumam ser geridos e administrados pela própria empresa. Uma mensagem através destes canais pode simbolizar um lead em uma etapa quase que decisória de compra, por isso sempre fique atento quando ocorrer!
  • Aplicativos: caso sua empresa tenha algum aplicativo, você poderá trabalhar com marketing de conversação através de notificações, por exemplo!

Ideias para um bom desenvolvimento de Marketing Conversacional

Como já mencionado, tudo precisa ser feito da melhor maneira para trazer resultados. Por isso, estude qual é a melhor forma de executar uma estratégia através dessa técnica levando em consideração o seu mercado e alguns pontos como:

Interfaces amigáveis

Nada pode ser forçado e tudo deve acontecer da maneira mais natural possível! Entenda onde está o seu público e disponibilize um canal de atendimento (ou de conversa) com uma interface fácil de ser usada!

Conteúdo e comunicação adequados

Não basta ser amigável se o que você falar não é do interesse de quem te procura. Transmita os valores da sua empresa durante sua conversa com emojis, GIFs e até memes. Um único ponto de atenção aqui é para que você não se esqueça se o seu público aceitaria isso de maneira amigável ou não!

Fast responding

Ou então, em português, respostas rápidas! Evite pedir para que preencham formulários ou coisas parecidas. A intenção aqui, além de compreender e solucionar a situação da melhor maneira para o seu cliente, também é te ajudar a poupar tempo com filas de atendimento!

E quais são os benefícios em aderir ao Marketing Conversacional?

Para começar, as vantagens de utilizar o marketing de conversação são inúmeras e aparecem tanto a curto prazo quanto a longo prazo. Dentre elas, podemos destacar:

  • O impulsionador e agente de nutrição de leads no funil de vendas (principalmente dos que estão em etapas avançadas).
  • Melhorias na gestão de relacionamento com cliente (você estará ouvindo e compreendo a questão do cliente, logo poderá oferecer a melhor solução para ele).
  • Aumento da conversão de vendas (ao solucionar essas dúvidas ou problemas).
  • Criação ou aumento de reputação e autoridade da sua empresa (ao interagir da maneira certa).

E então: o que achou do Marketing de Conversação? A gente garante que, se feito da melhor maneira, o retorno é certo e o investimento valerá (e muito) a pena! Gostou desse conteúdo? Então continue nos acompanhando aqui no blog!

Powered by Rock Convert

Junte-se aos nossos assinantes.

Receba as notícias do nosso blog, quentinhas, direto do forno.



Assine nossa newsletter.





Posts mais vistos


  • Ebook: iagente email marketing