Disparo de E-mail Marketing: 5 itens para verificar antes de enviar

Disparo de E-mail Marketing: 5 itens para verificar antes de enviar

Disparo de E-mail Marketing: 5 itens para verificar antes de enviar

Na hora de disparar uma campanha de e-mail marketing, é muito importante que tudo saia perfeitamente bem, afinal, não é possível mudar nada depois que a mensagem é enviada. Qualquer deslize na segmentação, assunto ou mensagem pode colocar por água abaixo toda a sua campanha, fazendo com que hajam descadastros da sua lista, e o pior, manchar a reputação da sua marca.

Para não correr esses riscos, o ideal é que se tenha muito cuidado no momento de programar os envios. Pensando nisso, criamos um checklist de 5 itens importantíssimos nesse processo:

  1. Nome do remetente:

É sempre necessário examinar se o e-mail do remetente é mesmo de quem assina. Usar o nome da empresa que envia ou associar o contato à uma pessoa (Carlos Silva) por exemplo, é sempre o melhor caminho. Isso gera mais afinidade com seu contatos, pois uma pessoa falando com você gera uma proximidade maior que um Departamento (Departamento Financeiro da Empresa Delta, por exemplo).

  1. E-mail do remetente:

Assim como o nome, o e-mail do remetente pode influenciar na capacidade de gerar empatia e afinidade com a marca. Afinal, receber um e-mail com o remetente “naoresponda@esseemail.com” não é nada amigável. Com isso, opte por e-mails como “contato@nomedasuaempresa.com.br”, ou até mesmo o nome de alguma pessoa específica como carlos@suaempresa.com.br. Isso gera mais proximidade entre a sua marca e os públicos que deseja atingir.

  1. Assunto do e-mail:

O assunto do e-mail é fator determinante para a abertura dele ou não. Além disso, ele é o primeiro contato do destinatário com a sua campanha. Existem alguns elementos que devem ser levados em consideração no momento de criar um assunto:

– gerar interesse;

– ser relevante;

– causar sentimento de urgência;

– trazer emoções positivas.

Analise se o assunto do e-mail contempla esses elementos, e tente deixá-lo curto, entre 20 e 41 caracteres.

4. Links:

Cuidado! Não jogue sua campanha no lixo. Confira sempre se os links de suas mensagens estão corretos. Repasse todas as áreas clicáveis, desde o corpo do e-mail, passando pelas imagens, as redes sociais, e certifique-se que estão apontando para o endereço correto. É muito frustrante não acessar algo que te causou curiosidade.

5. Envie um e-mail teste:

Jamais faça o disparo de uma campanha de e-mail marketing sem antes enviar um e-mail teste. Assim você pode ter certeza que tudo saiu direitinho, ou se tiver algum problema com o layout do e-mail, imagens, links ou qualquer outra coisa, você terá tempo hábil para ajustar.

Seguindo esses cinco passos antes de enviar, as possibilidades de erro nos e-mails serão reduzidas e certamente terão mais sucesso. Ficou com alguma dúvida? Deixe seu comentário!

Até a próxima 🙂

Junte-se aos nossos assinantes.

Receba as notícias do nosso blog, quentinhas, direto do forno.



Assine nossa newsletter.





Posts mais vistos